One Comment

  1. Ivanílson Santos
    9 de abril de 2017 @ 09:21

    Este é um caminho muito longo a ser percorrdo por todos nós. Devemos ensinar que tanto meninas quanto meninos são iguais em direitos, deveres e atitudes.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *